Domingos de manhã passeados com vagar, fotografias, impressões e confidências feitas à cidade de Coimbra, suas casas e seus casos, seu rosto vivo, suas lágrimas e sorrisos.

Acerca de mim

01 maio 2007

Santa Clara-a-Velha, nobre monumento construído em terra branda, que se foi afundando, afundando...

Demoram as obras de restauro, mas lá vão indo, lá vão indo...
Vista deste lado, à luz do Sol e com aquele contraponto de nuvens pesadas lá ao fundo vejam como é absurda a cor rejuvenescida da pedra.
Nem parece antigo, o monumento, com suas telhas laranja novo parece uma vivenda de emigrante abonado.
A chuva e o tempo não tarda que o ponham de novo como era, soturno e grave.

Vá tempo, despacha-te!...

falta foto, desculpas

Nota posterior:

O comentário acima reporta-se à data em que foi escrito e está, felizmente, desactualizado.

As obras de requalificação deste importantíssimo património estão entretanto concluídas e podem (devem!...) ser por todos visitadas com proveito e prazer cultural.


.

2 comentários:

Joao disse...

Tantos anos debaixo da lama, eis que o Graal em forma de máquina digital, nas mãos de um artista, revela o segredo há tantos séculos submerso...

carlos disse...

Outra vez o olhar do artista a indicar-nos o caminho.
De facto, que venha o tempo (só para o monumento, claro) para trazer a "cara" original a tão belo monumento.
Assim, de facto, parece deslocado!!!
Carlos

arquivo