Domingos de manhã passeados com vagar, fotografias, impressões e confidências feitas à cidade de Coimbra, suas casas e seus casos, seu rosto vivo, suas lágrimas e sorrisos.

Acerca de mim

01 maio 2007

A bicicleta, o prazer das duas rodas que só se tornam pesadas se a estrada é a subir...

Aqui, temos um pequeno desgosto:
Os hipermercados despejam bicicletas aos milhares para as garagens e vãos de escada de todos os cidadãos deste país que gostam de andar ao fresco, depressa e sem terem de pagar bilhete.

A ideia é excelente e, além de não ser poluente, levaria qualquer um para o trabalho com comodidade e proveito muscular... se a ciência urbanística tivesse aplicação entre nós!...
Quer dizer: o país pouparia milhões de contos em combustíveis, os cidadãos poupavam no carrito, ficavam com a perna menos fofa de celulites dispensáveis e... não atravancavam os parques de estacionamento com lata superflua. Só vantagens!...

No fim de semana é o que se vê: bicicletas a andarem por todo o lado, mas muitas vezes sem olhar a peões, como é este o caso.
A ponte é só para peões, ou é pista para ciclistas aos molhos?
Já viram como ele vão, todos "à larga", ocupando o espaço todo?Estava eu a tirar uma fotografia e, mal cuido, ia levando com um risonho e descuidado ciclista em cima!
E de quem seria a culpa? Minha, claro.
Ninguém me manda ter-me levantado tão cedo e estar ali, no caminho de um pelotão destes...

Moral da história: se há muitos ciclistas também teria de haver caminhos para eles poderem andar, sem correrem o risco de ficarem debaixo dos automóveis, nem andarem a disputar espaço aos peões!...

Vá lá explicar-se isto aos autarcas deste país, gente tão enlidada e absorvida por tantos afazeres!...


falta foto, desculpas

2 comentários:

meia disse...

Convido-o a visitar o circuito para bicicletas do Guincho!
E mais um a caminho, para peões:
http://www.guiadacidade.pt/v3_index/not/7795/
É por isto que dá gosto morar por aqui (agora)
meiadeletie

Bici Activismo disse...

Massa Critica - Sexta-feira, 28 de Setembro

Aveiro
18h00
Ponte Praça

Coimbra
18h00
Largo da Portagem

Lisboa
18h00
Marquês de Pombal

Em Lisboa faremos a Massa Crítica dos Executivos, para mostrar que a bicicleta não serve apenas para lazer ou para desporto (obrigando a calção de Lycra, camisola colorida e mala xpto), mas também é um meio de transporte que pode e deve ser usado por qualquer pessoa em qualquer ocasião.

Veste o teu casaco, calças e camisa, saia ou vestido.
Calça o teu sapato de escritório, sandália ou sapato alto.
Vem pedalar.

Porto
18h00
Praça dos Leões

O que é a Massa Crítica?
A Massa Crítica (Critical Mass) é um evento que ocorre tradicionalmente na última sexta-feira do mês em muitas cidades pelo mundo, onde ciclistas, skaters, patinadores e outras pessoas com veículos movidos à propulsão humana, ocupam seu espaço nas ruas. No Brasil e em Portugal, há um movimento ciclista inspirado na Massa Crítica, chamado Bicicletada. Os principais objectivos da Bicicletada são divulgar a bicicleta como um meio de transporte, criar condições favoráveis para o uso deste veículo e tornar mais ecológicos e sustentáveis os sistemas de transporte de pessoas, principalmente no meio urbano.

Mais informações:
www.massacriticapt.net

“Anda de bicicleta todos os dias, festeja uma vez por mês”

arquivo